Glam-O-Rama (Lisboa)

Mora na zona de Picoas, no centro de Lisboa, e tem uma oferta diversificada, com música portuguesa e internacional, CD, vinil, formatos de home video e memorabilia. O nome da loja evoca o glamour do rock’n’roll.

A Glam-O-Rama, na Rua Viriato (Lisboa), é uma casa conhecida por quem gosta de discos, sobretudo se tem o rock na alma. Luís Lamelas lembra ao GiRA DiSCOS como a loja nasceu: “Na altura era sócio da Carbono Amadora, mas desde que entrei para a sociedade, tive sempre intenção de relocar a loja para Lisboa. O acordo, já do inicio dos anos 90, era que cada loja do grupo Carbono (pois havia alguns sócios em comum) usava o nome na cidade em que estava (Porto, Almada, etc) e sendo assim, relocando a loja para Lisboa levantava algumas questões. O meu antigo sócio também não me parecia muito interessado em dar esse passo e apesar de mantermos uma excelente relação, optei por decidir sair da sociedade e em setembro de 2013 abri a loja no Centro Comercial Imaviz (no lançamento do colectivo Imaviz Underground). Cerca de ano e meio depois (Abril 2015) devido à falta de condições no centro comercial e consequente fecho do mesmo, consegui mudar a loja para o local atual, na Rua Viriato Nº 12 nas Picoas”. Foi este o percurso e “o nome surgiu da ideia” do se pode “encontrar numa loja relativamente ao rock’n’roll, o seu glamour, o resto ou tens ou não tens, não se compra!”.

Luís Lamelas explica que, na Glam-O-Rama, “a música moderna portuguesa estará sempre representada o melhor que puder”. A “nível geral”, acrescenta, há ali “essencialmente os estilos mais marginais dentro do rock, metal, prog, psych, punk, indie, avant garde, industrial, experimental”, mas podemos encontrar também “algum blues, jazz, étnica, eletrónica, bandas sonoras”. Há vinil e CD e “também alguma memorabilia, portanto todos os formatos são bem-vindos”. O vinil “deverá ser o mais procurado mas bastante equilibrado com o CD”. Luís não nota grandes diferenças entre as vendas de vinil novo e usado: “É óbvio que” certos discos em vinil “clássicos são sempre bastante procurados, mas acho que no fundo, quem entra procura um bom disco. Por vezes se se pode comprar dois novos em vez de uma edição original prefere-se, mas outros discos originais com mais significado pessoal já não se deixam passar”.  A arrumação separa a “parte nacional e a parte internacional e depois cada uma está dividida pelos respetivos géneros”.

A Glam-O-Rama tem ainda uma oferta em formatos de home vídeo (DVD e Blu Ray). Mas Luís Lamelas nota que são “os formatos que mais caíram em termos de procura”. E acrescenta: “Penso que o crescimento da oferta em termos de concertos ao vivo e em canais como o YouTube, ajudou um bocado a que isso acontecesse. Mas existe sempre quem procure. O stock da loja acaba por variar consoante as coleções que se compram… podem até surgir posters, revistas, entre muitas outras coisas relacionadas”.

Ali passam “geralmente, alguns clientes que já se tornaram habituais, os diggers do costume que dão as suas voltas pelas lojas da cidade”, e o próprio Luís confessa que tem “alguma saudade de fazer o mesmo”, mas “os horários das lojas são praticamente coincidentes”. Costuma haver ainda “muitos estrangeiros que, em turismo ou em trabalho, aproveitam para conhecer a loja”. E depois “alguns curiosos, o ocasional paraquedista, mas gente nova também, com curiosidade e vontade de conhecer”. Uma vez “um individuo que entrou perguntou se tinha CDs de vinil”. Luís respondeu que “tinha CDs e tinha vinil (em separado!), mas CDs de vinil não”. E acrescentou “que apenas conhecia algumas edições especiais”, como uma de Hellacopters que tem, “que é um CD e que no verso tem uma camada de vinil com um tema extra, mas que eram coisas mais raras de aparecer”. O cliente “insistiu que eram mesmo CDs de vinil que procurava, desejou uma boa tarde e foi-se embora. Mas o bizarro disto tudo é que ele tinha uma certeza tão grande no que pedia”, que o próprio Luís se sentiu “tentado a duvidar” de si mesmo”.

A loja tem ainda uma presença online. Luís Lamelas conta-nos que “neste momento apenas há algumas coisas no Discogs, mas o stock da loja é diferente” do que tem por lá. O endereço da loja online na plataforma Discogs é:https://www.discogs.com/seller/Mr.Crowley/profile

Glam-O-Rama

Rua Viriato Nº 12, 1050-235 Lisboa (metro: Picoas)

Horário:

Terça feira a sábado das 11.00 às 19.00

Pausa para almoço das 14.00 às 15.00

Aos domingos e segunda feira a loja está encerrada

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.