Sheiks, “Portugal é Que é o Tal”

Lado A: “Portugal É Que É O Tal”

Lado B: “Eusébio”

Parlophone, 1966

Em 1966 os Sheiks eram um nome já com grande protagonismo no universo do pop/rock made in Portugal. Tinham lançado em março um EP que inscrevera na banda sonora desse ano sobretudo as canções “Missing You” e “Tell Me Bird”, lançado o EP “Yesterday’s Man” em abril e assinalado a chegada do verão com um novo disco (editado a 17 de junho) quase todo cantado em inglês e no qual apresentavam as canções “Lonely Lost and Sad”, “Leave Me Alone”, “My Mother’s Advice” e “A Mala”. Numa altura em que a sua música começava a despertar atenções internacionais – “Missing You” seria editado no Reino Unido, França, Espanha e Brasil – o grupo juntou à história do verão de 1966 um outro disco que, mesmo não representando o sucessor natural do EP que tinham apresentado em junho (e que chegaria em novembro com “Tears Are Coming”), acabou por traduzir uma importante relação da sua obra com o seu tempo. É um disco que o tempo quase esqueceu. Mas que captou, na época, o impacte de um momento marcante na história do futebol português.

O terceiro lugar obtido pela seleção nacional no Mundial de Futebol que tinha sido disputado em Inglaterra em julho, e que consagrara Eusébio como o melhor marcador, foi celebrado pelos Sheiks com um single que o grupo apresentou, de forma fulminante, em agosto desse ano. Foi um tributo à equipa, ao resultado e ao modo como o país havia celebrado o feito desportivo.

No lado A encontramos “Portugal É Que É o Tal”… É uma canção com sabor a pequena “jam” com sabor a blues e comandada pela presença de uma harmónica e que, em apenas 1’48”, celebra os feitos da seleção nacional, cantando “a seleção abriu o livro / e mostrou la como é”. A canção não deixa de assinalar que o desejo seria naturalmente o de um triunfo final, mas lembra como o terceiro lugar foi acolhido por todos com enorme satisfação: “Lá ninguém nos conhecia / nem davam nada pela gente / só não ficámos com a taça / mas ficou tudo contente”.

No lado B encontramos uma canção dedicada ao melhor marcador do mundial a quem, mesmo assim, era já feita uma referência na letra da canção do lado A: “Eusebio e companhia / deram tratado e do bom / futebol afinadinho / afinadinho e no tom”. Ao contrário dos destinos de maior silêncio futuro de “Portugal É Que É o Tal”, o tema “Eusébio” seria mais tarde recuperado no alinhamento de mais antologias, surgindo em “Missing You” (CD da série Caravela editado em 1996) e “Essencial” (CD de 2014). Ambos os temas surgem como extras em “Missing You – Integral 1965-1967”, CD da série Os Dias do Vinil lançado em 2007.

O anuncio que então revelou a edição do single referiu-o como “uma sensacional homenagem dos Sheiks à equipa de todos nós”. E o próprio Eusébio juntou-se aos elementos da banda na sessão de autógrafos que decorreu na loja da Valentim de Carvalho na Rua Nova do Almada a 2 de agosto de 1966.

Nesta primeira vida (porque houve uma reunião no final dos anos 70) os Sheiks não tenham editado álbuns, tendo centrado praticamente toda a sua oferta editorial em discos de 45 rotações no formato de EP. Houve reedições de canções em formato de single já nos anos 70 – como “Missing You” e “Lord Let It Rain” em 1973 – pelo que coube a este single de 1966 ser a única exceção à regra durante esta etapa inicial do percurso dos Sheiks.

Além do álbum “Com Cobertura” (1980), que surge após a reunião dos Sheiks, este single de 1966 representa um raro momento da obra do grupo integralmente cantado em português.  

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.