Yello + Shirley Bassey “The Rhythm Divine”

Lado A: The Rhythm Divine

Lado B: Dr. Van Steiner

Mercury, 1987

São sempre desafiantes e muitas vezes frutuosos os diálogos entre gerações diferentes de músicos. E entre finais dos oitentas e inícios dos noventas uma série de vozes de outros tempos conheceram nova visibilidade através de colaborações com os nomes que então estavam sob o foco das atenções. Os Pet Shop Boys com Dusty Springfield ou Liza Minelli, os KLF com Tammy Wynette, os Bronski Beat com Eartha Kitt, Marc Almond com Gene Pitney, os Art Of Noise com Tom Jones e, no caso que hoje destacamos, os Yello com Shirley Bassey.

A canção, que conta com co-autoria de Billy McKenzie (a voz dos Associates, que surge também aqui nos coros), foi composta já com a voz da cantora em mente. “The Rhythm Divine” cruza os climas das novas eletrónicas – e os registos de produção do seu tempo – com o sentido clássico da canção romântica de grande aparato que a obra da cantora sempre conhecera. Aparentemente distantes, os dois mundos juntaram-se num episódio simplesmente inesquecível. 

O tema surgiu em 1987, num momento em que singles como “Vicious Games” (1985) e “Goldrush” (1986) já tinham elevado os Yello – originários da Suíça – a um patamar de reconhecimento global e então com inesperada visibilidade mainstream. “The Rhythm Divine” surge ainda no alinhamento do álbum “One Second”, que os Yello editaram em 1987.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.