Kraftwerk: “Kohoutek – Kometenmelodie” (1973)

Lado A: Kohoutek-Kometenmelodie (Version 1)

Lado B: Kohoutek-Kometenmelodie (Version 1)

Phillips, 1973

Nascidos em finais dos anos 60, num espaço que tinha mais afinidades com a música experimental do que com as visões pop que desenhariam mais tarde, os Kraftweerk viveram uma primeira etapa da sua discografia apenas no formato de álbum.

A anteceder a edição de Autobahn, os primeiros sinais de uma nova abordagem à composição na obra dos Kraftwerk chegou em finais de 1973 com um single que dividia uma ideia entre ambas as faces do disco.

Com o título Kohoutek-Kometenmelodie, numa clara alusão ao cometa identificado em março de 1973 pelo astrónomo Lubos Khoutek, os Kraftwerk propunham um tema instrumental com uma carga melódica até então nunca vista na sua obra, numa das duas partes do tema chegando mesmo a definir um padrão rítmico insistente.

Os dois temas que apresentaram neste single seriam regravados de novo para pouco depois integrar o alinhamento de Autobahn, a maior diferença residindo no facto de terem trocado a ordem da parte mais rápida e mais lenta da composição.

Ou seja, enquanto em Autobahn é a parte 2 que revela a luminosidade pop e o suporte rítmico mais insistente, no single essa mesma composição é apresentada como sendo a parte 1, ocupando o lado A. Era um single visionário para o seu tempo, mas passou ao lado das atenções. Hoje é uma peça a preços de colecionador. Uma edição com a capa em estado “VG” pode custar pelo menos 150 euros.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.