Um livro para conhecer tudo sobre o Festival de San Remo

Um volume assinado por um especialista na matéria, assinala, em 720 páginas, a história do festival no momento em que se assinala a sua 70ª edição.

Foi em 1946 que Amilcare Rambaldi, um floricultor de San Remo, sugeriu a criação de um festival de música. Não foi possível dar-lhe forma até que, em 1951, o diretor do casino desta cidade no norte de Itália reativou a ideia que, em poucos anos se afirmou como um dos grandes momentos anuais da música italiana e que, em 1956, serviu de inspiração para a criação do Festival Eurovisão da Canção.

Ao longo de 69 anos por ali passaram grandes nomes da música italiana. Domenico Modugno, Gigliola Cinquetti, Bobby Solo, Nicola di Bari, Toto Cotugno, os Matia Bazar ou Eros Ramazotti integram uma lista de vencedores que, há um ano, juntou ao palmarés o nome de Mahmood, que triunfou com Soldi.

A partir de hoje, e até dia 8, decorre a 70ª edição do Festival de San Remo. E antes mesmo de conhecermos as canções e qual delas será a vencedora deste ano, podemos consultar Il Festival di San Remo, um extenso volume de capa dura e 720 páginas assinado por Eddy Ansemli, um profundo conhecedor da história do concurso. O livro está cronologicamente organizado e inclui referências a todas as canções, autores e intérpretes, assim como maestros e apresentadores… Uma “bíblia” (em italiano, claro está) atenta a todos os detalhes da história do festival. – N.G.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.