Moses Records (Viena)

Bons preços, uma oferta variada em tanto em CD como em vinil (nos mais variados formatos), com particular foco na música popular dos anos 60 a 70, a Moses Records é uma das lojas de discos a visitar para quem estiver de visita a Viena. Texto: Nuno Galopim

Entre as lojas de discos de Viena que vale a pena visitar está a Moses Records. Fica muito perto da Rathaus (a câmara municipal), do Volkstheater e dos grandes museus do Ring, pelo que é de muito fácil acesso. A montra deixa logo evidente que ali tanto podemos encontrar vinil como CD, havendo logo na rua (quando não chove) algumas mesas com discos. É contudo no letreiro que vemos na parede, sobre a montra, que fica claramente registada a identidade da loja: “best price in town”, lê-se. E, de facto, além da oferta variada os (bons) preços são um dos motivos principais para ali passar um bom bocado.

            À entrada a primeira sala revela uma oferta (bem arrumada) de CD e uma primeira seleção de títulos em vinil. É particularmente rica a seleção de música popular dos anos 60, 70 e 80, em áreas que vão dos terrenos pop/rock ao funk e à música soul, tanto nos formatos de LP, single e máxi-single. A decoração nas paredes (com capas de discos, posters e alguma memorabilia) reforça o ambiente e os universos de música que ali podemos encontrar. Há gira-discos para podermos fazer uma pré-escuta e uns sofás para uns dedos de conversa.

Mas vale a pena seguir em frente e entrar na sala maior que encontramos ao fundo da loja. E aí são os preços quem mais ordena, havendo até uma secção com discos a um euro (onde há que separar depois o trigo do joio, mas quem compra discos sabe que o jogo da descoberta é assim que se faz).

A loja tem uma operação online em www.moses-records.at. E numa das páginas do site o fundador, Peter, partilha connosco a história da sua vida, revelando episódios em que a música serviu de gatilho para descobertas. E a coisa parte desde a memória remota de ver bandas a marchar na rua e de ouvir relatos de Woodstock ao questionar de identidade que sentiu ao som de Suzy Quattro e, depois, quando o ‘disco’ entrou em cena. Acabou a trabalhar como DJ e, entre os anos 80 e 90 alargou os horizontes das possibilidades das músicas que ia cruzando no gira-discos. É nos anos 90 que começa a frequentar feiras de discos, lançando as bases para o que depois seria o seu futuro numa loja de discos. A loja abriu em 2004… E o nome vem de Moses… o cão de Peter (a quem é igualmente dedicado um espaço no site da loja.

Moses Records:

Lerchenfelderstrasse, 33

Horários:

De segunda a sexta das 12.00 às 20.00 horas

Aos sábados, das 12.00 às 19.00 horas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.