Duran Duran “Notorious” (1986)

O ano de 1985 tinha sido de quase sabática para os Duran Duran. E salvo um segundo single norte-americano extraído do alinhamento de Arena, o ano de novas edições ficou basicamente reduzido ao lançamento de A View to a Kill, a canção-tema para um novo filme da série James Bond, que valeu ao grupo mais um episódio de visibilidade global. Porém, quando o single chegou à rua já o grupo estava dividido em duas fações, cada qual trabalhando projetos em paralelo. John e Andy Taylor nos Power Station, Nick Rhodes, Simon Le Bon e Roger Taylor nos Arcadia. Em 1986 era chegada a hora de reunir. Mas a primeira má notícia veio do baterista Roger Taylor, que anunciou que não tencionava regressar ao trabalho com a banda e se retirava para uma vida mais tranquila. Andy Taylor, que entretanto encetara uma carreira a solo de contornos mais hard rock, começou por comparecer em sessões de estúdio, acabou por anunciar também a partida, tendo contudo deixado uma pequena contribuição para o álbum que entretanto tinham começado a gravar.

Reduzidos à dupla de fundadores Nick Rhodes e John Taylor, mais o vocalista Simon Le Bon, os Duran Duran avançaram para a conclusão das sessões do novo álbum chamando alguns músicos. Nile Rodgers, que já havia com eles trabalhado na remistura de The Reflex e na gravação de The Wild Boys, estava desde o início ao leme da produção, definindo desde logo a sua presença um pendor mais funk ao som que começava a nascer. O baterista Steve Ferrone entrou em cena, assim como a estúdio chegava pela primeira vez o ex-Missing Persons Warren Cuccurullo, que acabaria como membro de pleno direito do grupo em 1989 e seria mesmo um dos músicos mais ativos nos Duran Duran até à sua saída após o álbum Pop Trash.

O álbum seria antecedido em outubro de 1986 por Notorious, single que se revelaria um dos mais sólidos êxitos desta nova etapa de vida dos Duran Duran (chegou ao número 2 nos EUA). Tal como Vertigo (Do The Demolition), a canção mantinha o título de trabalho, respeitando um desafio inicial que fora o de dar a cada novo tema o título de um filme de Alfred Hitchcock. A canção deixava evidente uma matriz funk que acabaria por ter mais expressões no álbum que chegaria pouco depois e que receberia precisamente o mesmo título. Além da guitarra de Nile Rodgers (com quem o grupo voltaria mais vezes a trabalhar), Notorious conta ainda com a presença dos metais dos Borneo Horns. No lado B surgiu Winter Marches On. Foi a primeira vez que o grupo incluiu num lado B uma canção que, depois, surgiria igualmente no alinhamento do álbum.

Para acompanhar o disco foi rodado um teledisco essencialmente performativo e, por isso, bem diferente das grandes produções que o grupo vinha a realizar desde Girls on Film. A realização ficou a cargo de Peter Kagan e Paula Greif.

12″ remix

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.